Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

CPI vota convocação de governadores na terça-feira

Comissão rejeitou proposta que antecipava para esta quinta a sessão administrativa. Sigilo bancário da Delta nacional também esta na pauta

Por Gabriel Castro 24 Maio 2012, 13h56

A CPI do Cachoeira rejeitou um requerimento que antecipava para esta quinta-feira a votação que decidirá sobre a quebra de sigilo da Delta nacional e a convocação dos governadores do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB). Dessa forma, a avaliação dos pedidos ficou marcada para terça-feira.

“Começamos a perceber a bancada da Delta aqui dentro”, criticou o deputado paranaense Rubens Bueno, líder do PPS na Câmara. “Tem um acordo aqui do PSDB com o PT”, afirmou o deputado Sílvio Costa (PTB-PE).

A maioria dos integrantes da comissão, entretanto, argumentou que já havia um acordo para que a apreciação dos requerimentos se desse apenas na terça-feira que vem. “Não aceito que nenhum parlamentar coloque que o nosso voto significa estar apoiando ou defendendo qualquer um”, rebateu o deputado Filipe Pereira (PSC-RJ).

A proposta de antecipação havia sido apresentada pelo senador Pedro Taques (PDT-MT), depois que os três depoentes convocados para esta quinta-feira não aceitaram responder as perguntas da CPI. Também na terça-feira, a CPI deve escolher o seu vice-presidente. O cargo está vago desde a instalação da comissão.

Continua após a publicidade
Publicidade