Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ataques contra líderes e polarização nacional devem dominar debates no Sul

Encontros no Paraná e em Santa Catarina acontecem nesta terça-feira; no Rio Grande do Sul, na quarta-feira

Por Da Redação - Atualizado em 2 out 2018, 18h59 - Publicado em 2 out 2018, 10h32

Entre terça e quarta-feira, as afiliadas da TV Globo na Região Sul do país promovem debates entre os candidatos ao governo dos três estados com os líderes das pesquisas no centro do alvo dos ataques dos adversários. Os encontros do Paraná e de Santa Catarina serão nesta terça enquanto o do Rio Grande do Sul ocorrerá na quarta 3.

No Paraná, participarão os candidatos Cida Borghetti (PP), Doutor Rosinha (PT), João Arruda (MDB), Ogier Buchi (PSL), Professor Piva (PSOL) e Ratinho Júnior (PSD). Primeiro colocado nas pesquisas, cotado para possível vitória em primeiro turno, Ratinho tem sido o principal alvo nos últimos encontros, o que deve permanecer nesta terça. A mediação será do jornalista Sandro Dalpícolo.

A relação de Ratinho e de Cida com o ex-governador Beto Richa (PSDB), preso recentemente em investigações sobre sua gestão, foi bastante explorada pelos adversários no debate promovido pela RIC TV, afiliada da Record. O candidato do PSD foi secretário de Desenvolvimento Urbano do tucano, enquanto a pepista era vice-governadora e herdou o cargo depois que Richa renunciou em abril para se candidatar ao Senado.

Em Santa Catarina, foram convidados os candidatos Camasão (PSOL), Comandante Moisés (PSL), Décio Lima (PT), Gelson Merísio (PSD), Jessé Pereira (Patriota) e Mauro Mariani (MDB). No estado, a disputa presidencial deve ser um dos principais temas do debate. A mediação será do jornalista Mário Motta.

Filiado a um partido que apoia Alckmin, Merísio declarou voto em Jair Bolsonaro (PSL) como forma de se aproveitar da popularidade do capitão da reserva no estado e se distanciar de Mariani, que, em segundo, declara voto em Henrique Meirelles (MDB). Em terceiro, Décio Lima defende Fernando Haddad e estimula a polarização para chegar à próxima etapa.

No Rio Grande do Sul, participarão os candidatos Eduardo Leite (PSDB), Jairo Jorge (PDT), José Ivo Sartori (MDB), Miguel Rossetto (PT) e Roberto Robaina (PSOL). Em ascensão nas pesquisas, Leite tem sido criticado por adversários, o que deve se repetir na quarta-feira. A mediação no estado será feita pelo jornalista Elói Zorzetto.

Continua após a publicidade
Publicidade