Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Os derrotados da reforma da Previdência

Thomas Traumann analisa o resultado do votação do relatório da reforma da Previdência nesta edição do podcast

Por Da Redação
Atualizado em 3 out 2019, 19h49 - Publicado em 11 jul 2019, 19h04

O relatório da reforma da Previdência foi aprovado por 379 votos a 131, a maior goleada no parlamento em anos. O grande vencedor foi o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que articulou a votação junto com os partidos do centrão.

A festa também poderia ter tido a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, mas ele estragou o clima com o piti que deu em junho ao dizer que os deputados haviam “abortado a reforma”. Poderia também ter a presença de Jair Bolsonaro, mas o presidente mais atrapalhou do que ajudou. A reforma foi aprovada apesar do presidente, não pelo apoio dele.

Mas os grandes derrotados foram os partidos de esquerda, que fogem da realidade ao não reconhecer que a reforma era inevitável.

O jornalista Thomas Traumann analisa o caso neste episódio do podcast Traumann Traduz:

Continua após a publicidade
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.