Clique e assine a partir de 9,90/mês
Publicidade

Notícias sobre quebra de sigilo

Flávio Bolsonaro
Política

MP investigará notas fiscais emitidas por Queiroz e Flávio Bolsonaro

Por Da Redação - Atualizado em 18 maio 2019, 22h35 - Publicado em 18 maio 2019, 19h03
A medida aprofunda as investigações sobre o senador e filho do presidente Jair Bolsonaro, suspeito de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa
Mourão – Flávio
Política

Investigação de Flávio Bolsonaro atinge assessor de Mourão

Por Da redação - Atualizado em 18 maio 2019, 15h06 - Publicado em 18 maio 2019, 12h22
O advogado João Henrique Nascimento de Freitas, assessor direto do vice-presidente, trabalhou no gabinete de Flávio Bolsonaro e terá sigilo quebrado
Mercado editorial já está em franca disputa pelos direitos da quebra de sigilo do Queiroz
Com seu sigilo quebrado, João Baptista Lima Filho, amigo de longa data do presidente, está um bagaço com a decisão do STF
“TRANSMITI O RECADO”

“Transmiti o recado”

Por Hugo Marques, Daniel Pereira - Atualizado em 22 mar 2018, 13h05 - Publicado em 16 mar 2018, 06h00
Mensagens escritas comprovam que o coronel Lima atuou como intermediário entre Temer e empresário ligado a negócios suspeitos no Porto de Santos
Maior medo do Planalto é Barroso determinar quebra de sigilo telefônico, o que vai mostrar que o presidente manda nudes e envia correntes no WhatsApp
temer-e-coronel
Revista VEJA

A sombra do presidente

Por Hugo Marques, Thiago Bronzatto, Daniel Pereira - Atualizado em 10 dez 2018, 09h21 - Publicado em 9 mar 2018, 06h00
Quem é o misterioso coronel Lima, considerado pela Polícia Federal e pelo Supremo a peça-chave para esclarecer as suspeitas de pagamentos de propina a Temer
Segundo despacho sigiloso, obtido por VEJA, inquérito envolvendo presidente apura suspeita de "delitos financeiros e contra a administração pública"
Carlos Marun
Política

Temer está ‘indignado’ com quebra de sigilo bancário, diz Marun

Por Da redação - Atualizado em 6 mar 2018, 15h46 - Publicado em 5 mar 2018, 23h25
Segundo deputado, presidente ainda não foi notificado sobre a decisão do ministro Barroso, do STF
Empresa foi punida por não fornecer informações à Polícia Federal sobre seis suspeitos de crime
Publicidade