Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Voo da Turkish Airlines faz pouso de emergência após ameaça de bomba

A aeronave saiu de Bangcoc, na Tailândia, com destino a Istambul, na Turquia. Um bilhete encontrando no banheiro do avião motivou o piloto a pousar em Nova Délhi, na Índia

Um voo da Turkish Airlines que partiu de Bangcoc, na Tailândia, rumo a Istambul, na Turquia, fez nesta terça-feira um pouso de emergência em Nova Délhi, na Índia, após uma ameaça de bomba por escrito ter sido encontrada em um banheiro na aeronave Airbus A330. O voo tinha 134 pessoas a bordo, informaram autoridades indianas.

“Os passageiros foram solicitados a sair do avião, e os procedimentos padrão de varredura e segurança estão acontecendo agora”, disse Hemendra Singh, porta-voz das forças de segurança. A Turkish Airlines foi alvo de uma série de ameaças falsas de bomba em abril, inclusive em um voo de Istambul para São Paulo, e novamente no último fim de semana. Essa nova ameaça foi encontrada após cerca de três horas de voo, disse uma porta-voz da companhia.

Leia também

Piloto do avião que caiu em Taiwan desligou motor errado

Avião militar cai sobre casas e mata dezenas na Indonésia

Forças da segurança indiana informaram que estavam vasculhando a aeronave em busca de sinais de explosivos. O voo continuará sua rota para Istambul caso receba a liberação das autoridades. A aeronave sobrevoava a cidade indiana de Nagpur quando o piloto enviou uma mensagem pedindo autorização para um pouso de emergência e recebeu permissão para mudar a rota para Nova Délhi.

(Da redação)