Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Vladimir Putin chama ataque em Moscou de “ato terrorista selvagem”

O presidente russo acusa a Ucrânia de abrir espaço para que os suspeitos pudessem escapar; Kiev nega

Por Camila Barros Atualizado em 8 Maio 2024, 12h10 - Publicado em 23 mar 2024, 15h23

Em um pronunciamento divulgado neste sábado, 23, o presidente russo Vladimir Putin prometeu retaliação severa ao que chamou de um “ataque terrorista horrível e selvagem” em Moscou, declarou 24 de março como um dia de luto nacional e afirmou que a segurança anti-terrorismo foi reforçada em todo o país.

Moscou afirma ter encontrado e detido onze pessoas, incluindo todos os quatro atiradores envolvidos diretamente no ataque. Putin acusou a Ucrânia de abrir espaço para que os suspeitos pudessem escapar. “Eles tentaram escapar e estavam se dirigindo para a Ucrânia, onde, segundo informações preliminares, uma janela foi preparada para eles do lado ucraniano para cruzar a fronteira estadual”, disse em pronunciamento. Kiev negou categoricamente qualquer papel no ataque.

“A Ucrânia não tem a menor conexão com este incidente,” escreveu Mykhailo Podolyak, assessor do chefe do Gabinete do Presidente da Ucrânia, na rede social X. “Ucrânia está em uma guerra em grande escala com a #Rússia e resolverá o problema da agressão da Rússia (agressão, aliás, com um componente terrorista deliberado) no campo de batalha. As versões dos serviços especiais russos sobre a Ucrânia são absolutamente insustentáveis e absurdas”.

Pelo menos 133 pessoas foram mortas em Moscou na noite de sexta-feira, 22, quando homens armados invadiram o Crocus City Hall, antes da apresentação de uma banda russa. O grupo terrorista Estado Islâmico reivindicou a responsabilidade pelo ataque, mas não forneceu provas que confirmem sua autoria. A inteligência dos EUA havia emitido um aviso no início de março indicando planos de grupos extremistas para ataques na Rússia.

Continua após a publicidade

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.