Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Trump volta a questionar derrota durante comício para o Senado na Geórgia

Eleitores do estado vão escolher membros de uma das câmaras do Congresso no dia 5 de janeiro

Por Da Redação Atualizado em 6 dez 2020, 15h39 - Publicado em 6 dez 2020, 15h32

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fez campanha para dois senadores republicanos neste sábado na Geórgia. Alguns membros do partido temiam que a aparição pudesse acabar prejudicando os candidatos, uma vez que o governante concentra seus esforços para rever a própria derrota nas eleições.

Na primeira aparição em comícios desde que perdeu para o democrata Joe Biden na disputa presidencial de 3 de novembro, Trump pediu para que a multidão votasse em candidatos republicanos no segundo turno da Geórgia em 5 de janeiro.

Mesmo sem trazer provas, ele gastou boa parte do discurso para fazer alegações de fraude no processo eleitoral. “Eles trapacearam e fraudaram nossa eleição presidencial, mas ainda assim vamos vencê-la”, disse Trump. “E eles vão tentar fraudar esta eleição também”, completou.

As alegações de Trump foram rejeitadas por autoridades estaduais e federais em todo o país, assim como seus inúmeros questionamentos na Justiça falharam. Biden foi o primeiro candidato presidencial democrata a vencer na Geórgia desde 1992. Recontagens em todo o estado, incluindo uma cuidadosa revisão à mão de cerca de 5 milhões de votos, não revelaram irregularidades.

Continua após a publicidade
Publicidade