Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Superstição: Kerry vai à Ásia usando bengala dos Kennedy

Após uma série de reuniões no Oriente Médio e Cingapura, o secretário de Estado americano, John Kerry, está agora na Malásia participando de um encontro da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean). Ainda se recuperando de um acidente de bicicleta há dois meses na França, Kerry abandonou as muletas, mas adotou uma bengala. E não é uma bengala qualquer, mas uma peça que pertenceu ao ex-presidente John F. Kennedy e anteriormente tinha sido usada pelo embaixador dos EUA em Londres, Joseph B. Kennedy, o patriarca do clã mais famoso da política americana.

Leia também

Vídeo: Republicano Ted Cruz ensina a fritar bacon — em cano de fuzil!

John Kerry tenta tranquilizar aliados do Golfo Pérsico sobre acordo com Irã

Ciente do peso histórico do artefato que carrega nas mãos, Kerry apoia-se na bengala nos dois sentidos – para caminhar e para quebrar o gelo de reuniões formais. “Esta bengala tem uma história”, disse ele na abertura do encontro nesta quarta-feira. Kerry então explicou que a bengala esteve em Londres durante a II Guerra Mundial e depois foi usada pelo ex-presidente John F. Kennedy durante uma crise de dor nas costas e também por seu irmão, o ex-senador Ted Kennedy. “Então, quando Vicki Kennedy, sua viúva [do ex-senador], ouviu que eu tinha quebrado a minha perna, ela sabia que eu ia precisar da bengala”, disse Kerry. “Ela emprestou-me e então aqui está. Isso é sorte, certo?”, finalizou o secretário de Estado.

(Da redação)