Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Romney ‘demite’ Garibaldo e causa furor nas redes sociais

O republicano disse que, a fim de cortar os gastos do governo, deve cancelar o envio de dinheiro à emissora PBS, que transmite o programa 'Vila Sésamo'

Por Da Redação 4 out 2012, 20h32

Um dos poucos momentos excitantes – e engraçados – do primeiro debate entre os candidatos à presidência dos Estados Unidos, o democrata e atual presidente Barack Obama e o republicano Mitt Romney, ocorreu quando o republicano disse que pretende cortar gastos do governo e cancelar a verba destinada ao canal público PBS.

Ele disse gostar da emissora e amar o personagem Garibaldo, mas enfatizou que não pretende “gastar dinheiro em coisas que me fazem pedir dinheiro emprestado para a China” – comentário que causou uma mobilização nas redes sociais satirizando a demissão da turma da Vila Sésamo.

Saiba mais:

A demografia a favor de Obama: minorias serão maiorias

Peso do voto evangélico nos Estados Unidos é cada vez menor

O termo @FiredBigBird (@Garibaldodemitido) entrou nos Trending Topics (Tópicos mais discutidos) do Twitter, enquanto montagens ganhavam a timeline do Facebook. Fotos do pássaro Garibaldo e sua turma deprimidos por perderem o emprego ou criticando Romney, sempre de forma engraçada, foram compartilhados por milhares de usuários – em alguns casos os internautas sugeriam que o boneco se candidatasse às próximas eleições.

A repercussão da fala de Romney chegou à direção da PBS. “Com todos os enormes problemas que estamos enfrentando no nosso país, o fato de que somos o foco (das discussões) é inacreditável para mim”, comentou a diretora do canal, Paula Kerger, em entrevista à rede de TV CNN.

Leia também:

Imprensa americana aponta vitória de Romney em debate Romney, do provável, ao possível e para o improvável

Continua após a publicidade

Publicidade