Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Oposição venezuelana abre 14 pontos de vantagem sobre chavismo

Pesquisa também revela que o governo de Maduro é reprovado por mais de 75% dos venezuelanos

A um mês das eleições legislativas na Venezuela, a oposição lidera com 14 pontos de vantagem sobre os chavistas, segundo uma pesquisa Venebarometro divulgada nesta sexta-feira. De acordo com a sondagem, 39,1% dos entrevistados votarão na oposição, 24,9%, nos chavistas, e 14,9%, em candidatos independentes. Os demais estão indecisos ou não responderam.

A pesquisa, elaborada entre 19 e 31 de outubro com 1.200 pessoas, tem margem de erro de 2,3 pontos. “A esperança do país está focada na mudança”, disse Alfredo Croes, diretor do Venebarometro, durante a exposição da pesquisa em um fórum em Caracas.

Leia também

Atrás nas pesquisas, Maduro ameaça e aposta o que lhe resta: seu bigode

Venezuela: escassez de remédios chega a níveis críticos

Promotor venezuelano diz que Maduro ordenou prisão de líder opositor

Na consulta sem a presença dos independentes, 43% manifestaram seu apoio aos membros da coalizão opositora Mesa da Unidade Democrática (MUD), contra 27% para os chavistas, e 29% de indecisos ou que não responderam. Segundo Croes, a oposição venezuelana pode conquistar 84 das 167 cadeiras da Assembleia Nacional, o que lhe valeria uma maioria simples na casa, hoje dominada pelos chavistas.

A mesma pesquisa revela que o governo do presidente Nicolás Maduro é reprovado por mais de 75% dos venezuelanos, muito descontentes com a escassez de produtos básicos, a inflação astronômica, a perda do poder de consumo e a alta da violência.

Leia mais

EUA investigam corrupção na PDVSA, petroleira estatal venezuelana

TSE abandona missão da Unasul para eleições venezuelanas

(Da redação)