Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Novo ataque mata três soldados da Otan no Afeganistão

Série de atentados contra membros da coalizão deixou seis vítimas na sexta

Três soldados da coalizão da Otan no Afeganistão foram mortos a tiros por um civil afegão em uma base militar na província de Helmand, no sul do país, informaram neste sábado diferentes fontes oficiais. “O criminoso não estava uniformizado e nosso registro indica que é um funcionário civil autorizado na base, mas não informa se era membro de algum serviço afegão”, afirmou uma fonte da Isaf para a agência France-Presse. Após o ataque, o homem foi detido pelas forças da coalizão.

Leia também:

Participação em ‘lista da morte’ de talibãs cria mal-estar na Grã-Bretanha

Afeganistão receberá US$ 16 bilhões em ajuda internacional até 2015

O atentado acontece apenas horas depois que um ataque semelhante vitimou três militares americanos no povoado de Kozaki, também em Helmand. Na sexta, durante um encontro entre soldados e aldeões, um policial afegão abriu fogo contra os americanos, matando três deles.

Os dois atentados se juntam a uma série de agressões de soldados afegãos e talibãs infiltrados contra as tropas internacionais no país. Nesta quinta, dois policiais abriram fogo contra soldados da Otan na cidade de Mehtarlam. No último dia 7, outro membro da coalizaão morreu por disparos de outros dois indivíduos vestidos com o uniforme do Exército do Afeganistão.

(Com agências EFE e France-Presse)