Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Irã pode interromper venda de petróleo devido a sanções

País promete partir para 'plano B' caso sanções ocidentais se intensifiquem

O Irã disse nesta terça-feira que pode interromper as exportações de petróleo se as sanções ocidentais se intensificarem, e que tem um “plano B” de contingência para sobreviver sem a receita do petróleo. Nesse caso, o Irã promete cortar as exportações de petróleo para o mundo.

“Se as sanções se intensificarem, vamos parar de exportar petróleo”, disse o ministro do Petróleo, Rostam Qasemi, a repórteres em Dubai. “Preparamos um plano para administrar o país sem qualquer receita do petróleo”, disse o ministro, acrescentando: “Até esta data, não tivemos nenhum problema sério, mas se as sanções forem renovadas, nós partiremos para um ‘plano B'”. “Se continuarem a aumentar as sanções, vamos cortar nossas exportações de petróleo para o mundo.”

Histórico – Há cerca de dois anos, os países ocidentais impõem de forma progressiva um embargo econômico contra o Irã, que provocou uma queda das exportações e da produção petroleira, além de uma desvalorização da moeda, o rial, devido à escassez de divisas, uma desaceleração da economia e um aumento do desemprego.

Leia também:

‘Israel não pode esperar para agir contra Irã’, Netanyahu

Irã poderá construir uma arma nuclear em catorze meses

A comunidade internacional, em especial Estados Unidos e Israel, acredita que Teerã esteja trabalhando na construção de uma arma nuclear. O país, no entanto, nega a intenção e diz que seu programa nuclear tem fins meramente civis, mas não permite que a AIEA inspecione suas instalações. A agência negocia desde janeiro, sem sucesso, a retomada da investigação sobre o programa nuclear iraniano.

(Com agência Reuters)