Clique e assine com 88% de desconto

General desertor Manaf Tlass está em Paris e pede transição na Síria

Por Da Redação - 17 jul 2012, 15h02

O general Manaf Tlass, o oficial de maior patente que desertou do exército sírio e considerado ligado ao presidente Bashar al Assad, anunciou nesta terça-feira que se encontra em Paris e que deseja uma transição construtiva em seu país, em um comunicado transmitido à AFP.

Neste texto assinado “general Manaf Tlass, Paris, 17 de julho de 2012”, o oficial deseja “que o país saia da crise mediante uma fase de transição construtiva que garanta à Síria sua unidade, sua estabilidade e sua segurança, assim como as aspirações legítimas de seu povo”. E expressa sua “ira e dor por ver o exército levado a travar um combate contrário a seus princípios”.

Esta primeira declaração direta à imprensa acontece depois do anúncio, em 6 julho, de sua deserção.

O general acusou o poder de ter a maior parte da responsabilidade na atual crise na Síria.

Publicidade