Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Embaixador brasileiro integra grupo que vai definir os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

André Corrêa do Lago será nomeado pela Assembleia Geral das Nações Unidas um dos 30 especialistas para complementar a agenda da ONU pós-2015

O embaixador André Corrêa do Lago será nomeado pela Assembleia Geral das Nações Unidas integrante do grupo de 30 especialistas que vai definir as metas a serem adotadas para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Iniciativa criada a partir da Rio+20, os ODS devem complementar a agenda da ONU pós-2015. Segundo o documento O Futuro que Queremos, as metas deverão estar de acordo com os princípios da Agenda 21 e devem seguir o Plano de Implementação, criado durante a conferência de Johannesburgo (2002). No entanto, são esperados novos embates entre o bloco dos países em desenvolvimento, que terá maioria na comissão, e o bloco dos países desenvolvidos, que devem se comprometer com a maior parte dos custos relativos aos meios de implementação das metas.

Corrêa do Lago, que foi negociador chefe do Brasil durante a conferência realizada em junho, será o único brasileiro na lista, que contará com representantes de cada uma das cinco regiões da ONU (África, Americas, Europa, Ásia e Oceania). O anúncio da composição do grupo será realizado até sexta-feira pela Assembléia Geral, reunida em Nova York. A comissão terá um ano para definir as metas a serem sugeridas.

LEIA TAMBÉM:

Texto da Rio+20 empurra definições para o futuro

A insustentável grandeza da Rio+20