Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Depois de críticas, Lula marca reunião com premiê italiana de ultradireita

A líder de extrema direita Giorgia Meloni entrou de última hora na agenda do presidente durante viagem à Itália

Por Amanda Péchy
Atualizado em 20 jun 2023, 17h58 - Publicado em 20 jun 2023, 13h12

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desembarca nesta terça-feira, 20, na Itália, para uma maratona de compromissos no dia seguinte. Na agenda do mandatário brasileiro estavam encontros com o sociólogo Domenico De Masi, o papa Francisco, o arcebispo Edgar Peña Parra, o prefeito de Roma, Roberto Gualtieri e o presidente italiano, Sergio Mattarella. A ultradireitista Giorgia Meloni, primeira-ministra do país, no entanto, tinha ficado de fora.

Até agora. Na tarde desta terça-feira, o Itamaraty publicou nota comunicando a decisão de última hora para incluir a premiê no périplo.

“Por ocasião da visita oficial à Itália e ao Vaticano, de 20 a 22 de junho corrente, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reunirá com a primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, na tarde do dia 21. A reunião comporá agenda de compromissos confirmados com o presidente Sergio Mattarella e o prefeito de Roma, Roberto Gualtieri, além da audiência com o papa Francisco, no Vaticano”, informou o Ministério das Relações Exteriores.

+ Lula visita papa Francisco em busca de protagonismo na questão da Ucrânia

Quando o petista anunciou sua viagem via Twitter, ressaltou o desejo de reunir-se com o presidente do país, Mattarella, mas nada falou de Meloni.

Continua após a publicidade

“Há muitos anos não recebemos um presidente da Itália, e temos muitos italianos e descendentes aqui no Brasil. Precisamos reforçar as relações.”

O cargo de presidente italiano, contudo, tem caráter mais institucional do que político (embora esteja longe de ser decorativo).

A Itália é uma república parlamentarista desde 1946, e seu presidente tem a função de chefe de Estado, mas não de governo, papel que cabe ao presidente do Conselho dos Ministros, mais conhecido como primeiro-ministro. Quem ocupa a posição atualmente é Meloni, uma política com posições muito distantes das de Lula.

Continua após a publicidade

+ Neofascista Giorgia Meloni é favorita para chefiar o governo italiano

Eleita no ano passado com uma coalizão ultranacionalista, ela lidera o partido de extrema direita Irmãos da Itália, que tem raízes no movimento neofascista italiano do pós-II Guerra. Suas inclinações políticas conversam com as do bolsonarismo, como a defesa ferrenha da “família tradicional”, ataques a direitos de minorias raciais e sociais e defesa de “valores cristãos”.

Driblar um encontro com ela poderia ser um risco para Lula, passando a mensagem de que diferenças ideológicas podem falar mais alto que o pragmatismo nas relações entre os países. Para um governo que, em entrevista às Páginas Amarelas de VEJA, afirmou que vai relacionar-se com diferentes países indiscriminadamente, guiando-se apenas pelo timão dos interesses nacionais, a imagem não era bonita. E a guinada nos 45 do segundo tempo tampouco será esquecida.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.