Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Cuba anuncia primeira morte por coronavírus

A vítima é um dos três turistas italianos que apresentaram sintomas da doença na ilha; governo registra 10 casos de contaminação

Por Da Redação Atualizado em 18 mar 2020, 17h02 - Publicado em 18 mar 2020, 16h41

O regime cubano anunciou nesta quarta-feira, 18, a morte de um dos turistas italianos diagnosticados com Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. Também anunciou que mais três pessoas tiveram resultados positivos, elevando o total de casos confirmados na ilha a 10.

“Apesar dos esforços realizados pela equipe de terapia intensiva (…), as complicações de sua enfermidade se agravaram provocando seu falecimento”, informou o governo por meio da imprensa estatal.

A vítima, de 65 anos, era um dos quatro turistas italianos que chegaram a Cuba e apresentaram os sintomas de febre, tosse seca e dor no peito. Em um primeiro momento, os médicos cubanos disseram que a evolução dos três casos confirmados era “favorável” e que nenhum estava sob perigo de morte.

A Itália se tornou o novo epicentro da pandemia de coronavírus. O país contabiliza 27.980 casos confirmados e 2.503 mortes.

Três novos casos

Na noite de terça-feira 17, o laboratório de biologia molecular do Centro Provincial de Higiene e Epidemiologia da província de Villa Clara confirmou o diagnóstico positivo para coronavírus em mais três pessoas (duas cubanas e um americano).

O primeiro caso é de um homem de 25 anos de idade recém-chegado de Madri, na Espanha; o segundo é de uma mulher de 67 anos que viajara a Nova Jersey, nos Estados Unidos; e o último caso diagnosticado foi o de um cidadão americano de 77 anos de idade que viera da Califórnia. Segundo o governo, os três casos apresentam “evolução satisfatória” em seus quadros de saúde.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), ainda não há transmissão local de Covid-19 em Cuba. No total, são 10 pessoas diagnosticadas, que contraíram o coronavírus fora da ilha.

Classificada como pandemia pela OMS, o novo coronavírus já atingiu 150 países infectando mais de 200.000 pessoas e matando 7.426. Segundo o boletim diário da OMS, somente na terça-feira 17 foram identificados, fora da China, novos 11.486 infectados.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)