Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Confrontos matam 12 pessoas perto de Trípoli

Conflito entre grupos rivais armados perto da capital líbia também deixou pelo menos dez feridos neste domingo

Confrontos entre grupos rivais armados perto da capital líbia, Trípoli, deixaram ao menos 12 mortos e dez feridos, neste domingo, informou um médico. O país norte-africano está em crise desde que os ex-rebeldes que ajudaram a derrubar Muamar Kadafi, há três anos, passaram a apontar suas armas uns contra os outros, numa tentativa de dominar o poder e ficar com parte das reservas de petróleo do país.

Leia também:

Líbia alerta Conselho de Segurança sobre ameaça de guerra civil

Líbia: 75 corpos são encontrados em base militar

EUA capturam suspeito de ataque de 2012 contra consulado em Bengasi

Uma aliança entre grupos armados, chamada Operação Amanhecer, tomou a capital Trípoli no mês passado. Desde então, combatentes da operação têm tentado capturar a região tribal de Warshefana, ao sudoeste da cidade, segundo moradores. Eles relataram um forte bombardeio na cidade, no sábado, o que foi confirmado pelo embaixador britânico, Michael Aron. “A cidade estava tranquila. Famílias estavam passeando à beira-mar ontem à noite. Mas o bombardeio à Warshefana pôde ser ouvido claramente,” disse Aron, em sua conta no Twitter, durante uma visita a Trípoli, neste fim de semana.

(Com Reuters)