Clique e assine a partir de 8,90/mês

Annan renúncia por impossibilidade de conseguir acordo político na Síria

Por Da Redação - 2 ago 2012, 12h42

Genebra, 2 ago (EFE).- O diplomata Kofi Annan afirmou nesta quinta-feira que sua decisão de renunciar como enviado especial da ONU para a Síria se deve ao fato de ser ‘impossível’ para ele ou ‘para qualquer outra pessoa’ dar os passos necessários que permitam um acordo político que ponha um fim ao conflito no país árabe.

‘É impossível para mim ou para qualquer outra pessoa convencer o governo e a oposição a dar os passos necessários para abrir um processo político’, disse Annan em entrevista coletiva em Genebra, na qual voltou a denunciar a falta de unidade na comunidade internacional para pôr fim a 17 meses de conflito armado. EFE

Publicidade