Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Os bares que preparam os melhores drinques de Salvador

Confira os endereços para bebericar e curtir a noite soteropolitana

Por Ana Geisa Lima, Camila Botto, Joana Maltez, Maiana Brito e Marília Simões 29 nov 2018, 12h39

LarriBar – 1º lugar

É um achado, costuma concluir todo mundo que adentra este bar escondido numa região residencial. Com iluminação baixa e música suave, resume-se a um balcão de cimento que serpenteia por boa parte do acanhado salão. As disputadas quinze banquetas altas não demoram a ser tomadas, mas não falta espaço para quem não se importa de bebericar em pé. O empreendimento é tocado por Gabriel Guerra, de 30 anos, filho de Rosa Guerra, chef do restaurante vizinho Larriquerrí — o neologismo brinca com o som de “lar que ri”. Formado em artes visuais, o jovem faz as vezes de mixologista. Por ora, ele privilegia no cardápio coquetéis clássicos como boulevardier (R$ 22,00), cosmopolitan (R$ 25,00) e basil smash, Trancoso mistura de gim Bombay Sapphire, limão-siciliano e manjericão (R$ 25,00). “Vejo meu balcão como uma escola, que tem a missão de ajudar a propagar a cultura coqueteleira em Salvador”, diz o proprietário. “Vou inovando com o tempo.” Levam sua assinatura cinco variações do gim-tônica, caso do flor de graxeira, preparado com Bombay Sapphire, hibisco, limão- siciliano e bitter de laranja (R$ 28,00), e cinco outros drinques. Entre esses últimos destacam-se o trancoso, feito com o mesmo gim, uva verde, vermute, tomilho, limão-siciliano e Angostura (R$ 27,00), e o cacau jack, junção de Jack Daniel’s, vermute dry, licor e bitter de cacau (R$ 25,00). Guerra faz questão de produzir o próprio gelo, cristalino, que costuma moldar num recém-adquirido ice ball maker, vários dos bitters e tanto o molho inglês como o suco de tomate que vão no bloody mary (R$ 30,00). Para enganar o estômago a cozinha prepara petiscos como o bolovo de bacalhau (R$ 25,00) e várias minibruschettas, como a de queijo brie, cebola caramelada e presunto de Parma (R$ 17,00, quatro unidades), apelidadas de larriquetas. Praça Alexandre Fernandes, 160, Garcia, ☎ 3263-5632 (15 lugares). 18h30/0h30 (sex. e sáb. 18h30/1h; fecha dom. a ter.). Aberto em 2017.

Blue Praia Bar – 2º lugar

A carta de drinques sugere misturas refrescantes, como o coquetel boah, com gim nacional, limoncello, twist de limão-siliciano e zimbro (R$ 21,90), e o essential, feito com vodca, tomate sweet grape, morango, suco de abacaxi e hortelã (R$ 23,90). Na seção dedicada aos comes, é novidade o malassado, medalhão de filé-mignon em molho de vinho e especiarias, acompanhado por batata-doce, arroz e ovo caipira (R$ 57,90). A cozinha também prepara o siri catado com chips de mandioca (R$ 21,90). Rua Barro Vermelho, 310, Praia do Buracão, Rio Vermelho, ☎ 3034-3054 (120 lugares). 10h/18h (sex. e sáb. 10h/20h). Aberto em 2014.

Chupito – 3º lugar 

Oferece mais de quarenta opções de drinques (fora os shots), divididas em quatro categorias: fraco, médio, forte e especial. O limoncello, de limão-siciliano caseiro e gim (R$ 11,00), é um dos mais pedidos. Ainda fazem sucesso o bahia sour, com xarope caseiro de umbu, limão, cachaça e vinho tinto doce (R$ 18,00), e o refrescante verões, mistura de carambola, folhas de hortelã, gim, limão e xarope de yuzu (R$ 18,00). Para forrar o estômago, aposte no sanduíche de cogumelos com alho frito, alface- roxa e sour cream (R$ 18,00). Rua da Paciência, 68, Rio Vermelho, ☎ 99125-3958 (100 lugares). 20h/3h30 (qua. até 2h; dom. 19h/1h; fecha seg. e ter.). Aberto em 2016.

Kawai Poke Bar

Num ambiente despojado, o bar reproduz o clima praiano do Havaí. O cardápio de comes segue a mesma influência e tem o poke como carro-chefe. Dentro de um bowl, o ohana ocean style combina salmão e atum frescos marinados, camarão, kani, manga, cebola, pepino, chips de coco, cebolinha e gergelim por cima de uma base, que pode ser arroz japonês, quinoa ou salada de folhas (R$ 36,00). A boa lista de drinques inclui o pear-adise, mistura de vodca Grey Goose La Poire, sucos de maçã e de limão-siciliano, gengibre e limoncello (R$ 33,00). Às sextas e aos sábados tem música ao vivo (R$ 10,00 o couvert). Rua Ilhéus, 241, Rio Vermelho, ☎ 3016-1411 (100 lugares). 18h/0h (fecha seg.). Aberto em 2017.

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)