Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tocha olímpica começa seu percurso pelo Reino Unido

Londres, 19 mai (EFE).- Às 3h16 deste sábado (horário de Brasília), o velejador britânico Ben Ainslie deu início à caminhada da tocha olímpica no Reino Unido, onde percorrerá cerca de 13 mil quilômetros nos próximos 70 dias.

Ainslie, vencedor de três medalhas de ouro e uma de prata em Olimpíadas, foi escolhido pelo Comitê Organizador de Londres 2012 (Locog) por ser, em palavras de seu presidente, Sebastian Coe, ‘um desportista que trabalhou duro para conquistar seus objetivos’.

O velejador, de 35 anos, é a primeira das cerca de oito mil pessoas que se revezarão para transportar a chama pelos pontos mais emblemáticos do Reino Unido antes de chegar de forma triunfal ao Estádio Olímpico de Londres em 27 de julho, marcando assim o começo da 30ª Olimpíada da era moderna.

Ainslie iniciou a caminhada em Land’s End, o ponto extremo ocidental da Grã-Bretanha e região em que o velejador foi criado.

Depois do tricampeão olímpico, assumiu a tocha a jovem de 18 anos Anastassia Swallow, que faz parte da equipe juvenil de surfe da Grã-Bretanha.

Também levarão a chama olímpica por Land’s End Eric Smith, de 76 anos, Victoria Smith, de 16, e Stephen Brady, de 59.

Diariamente, ao redor de 115 pessoas terão a honra de levar a chama olímpica por cerca de 300 metros cada um.

A tocha será transportada a pé, de bicicleta, a cavalo, de trem, de navio e até de balão para tentar acender o espírito olímpico na população britânica, que, a pouco mais de dois meses para o início dos Jogos, não se mostra muito entusiasmada. EFE