Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ronaldinho negocia com Panathinaikos

Por Da Redação 15 nov 2011, 16h04

Um representante do príncipe saudita Sultan al-Sauddel, Vlassis Tsakas,potencial principal acionista do Panathinaikos, afirmou nesta terça-feira que Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo, viajará à Grecia em dezembro para acertar com o clube grego.

Tsakas declarou a um site grego de esportes – também publicado pelo site do jornal espanhol Mundo Deportivo – que o craque brasileiro vai a Atenas para fechar um contrato com o Panathinaikos envolvendo cerca de 30 milhões de euros (aproximadamente 72 milhões de reais). “Esperamos que Ronaldinho chegue à Grécia no dia 17 de dezembro. É muito dinheiro, mas incluiremos acordos de patrocínio, como fez o Manchester City, por exemplo. O valor será de uns 30 milhões de euros. Este será um grande presente para o Panathinaikos”, disse Tsakas ao site.

O jogador não recebe o valor equivalente a 75% de seus salários há dois meses, quando a Traffic ficou revoltada com a diretoria do Flamengo por não ter sido consultada na assinatura de contrato de patrocínio com a empresa Procter & Gamble. Assis, irmão e empresário de Ronaldinho, disse que não havia riscos do jogador deixar o time por conta dos salários atrasados, mas reconheceu que tinha boas propostas.

Aos 31 anos, Ronaldinho nunca descartou voltar ao futebol europeu, mesmo que tenha assinado por quatro temporadas com o Flamengo. A crise econômica da Grécia não seria um obstáculo da negociação, já que o dinheiro é proveniente da Arábia Saudita.

Desde o início de novembro, o príncipe saudita está negociando a compra de quase 55% das ações do clube grego, hoje com problemas financeiros. A imprensa grega fala em investimentos de 220 milhões de euros, incluindo 150 milhões para a construção de um novo estádio, com capacidade para quase 50.000 pessoas.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade