Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Paraná Clube segue maratona diante do desfalcado Guarani

Eliminado da Copa do Brasil e disputando uma inconveniente Série Prata do Campeonato Paranaense simultaneamente, o Paraná Clube faz sua estreia da na Série B do Campeonato Brasileiro 2012, neste sábado, às 16h20 (de Brasília), diante do Guarani, na Vila Capanema. O Bugre, por sua vez, volta a campo depois de perder a decisão do Paulistão para o Santos e bastante modificado.

Pelo Tricolor, o técnico Ricardinho, que disputará seu primeiro Brasileirão como treinador, não contará com o zagueiro Alex Bruno, que segue se recuperando de lesão, além dos atacantes Nilson e Douglas Tanque, considerados ‘gordinhos’, e que farão um trabalho especial para entrar em forma. Em relação aos reforços, a expectativa é pela estreia do volante Ricardo Conceição, que depende da documentação para joga

O time da Campinas é só problema para a estreia. O técnico Vadão, que segue no comando, possivelmente contará com apenas quatro titulares do time base da campanha no Campeonato Paulista: o lateral esquerdo Bruno Recife, o volante Fábio Bahia, o meia Danilo Sacramento e o atacante Fabinho. O goleiro Emerson sentiu dores na coxa direita e vai ser poupado.

Entregues ao departamento médico estão o lateral direito Oziel, o zagueiro Neto, o meia Fumagalli e o volante Wellington Monteiro. Domingos, com contrato vencido, e Bruno Mendes, na Seleção sub-20. Já os reforços Chiquinho, Alex Barros, Jackson e Clebinho entram na briga por espaço.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ X GUARANI

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)

Data: 19 de maio de 2012, sábado

Horário: 16h20 (de Brasília)

Árbitro: Jose Acácio Da Rocha

Assistentes: Ângelo Rudimar Bechi e José Roberto Larroyd

PARANÁ: Luis Carlos; Paulo Henrique, André Vinícius, Alex Alves e Fernandinho; Cambará, Douglas Packer, Wendel (Ricardo Conceição) e Luisinho; Elias e Artur

Técnico: Ricardinho

GUARANI: Juliano; Chiquinho, Anderson, Rodrigo Arroz e Bruno Recife; Fábio Bahia, Eduardo, Danilo Sacramento e Thiaguinho; Ronaldo (Max Pardalzinho) e Fabinho

Técnico: Oswaldo Alvarez