Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Neymar acata toque especial de Leão após vitória na semifinal

Por Da Redação Atualizado em 19 jul 2016, 14h17 - Publicado em 30 abr 2012, 00h36

Emerson Leão foi um dos primeiros que cumprimentaram Neymar após a semifinal do Campeonato Paulista entre São Paulo e Santos, disputada neste domingo, no Morumbi. Ao contrário de seus comandados, que se irritaram com os dribles do autor dos três gols santistas na vitória por 3 a 1, o técnico falou amistosamente com o atacante.

‘Ele me deu um toque especial’, definiu Neymar, que não chegou a trabalhar com Leão no Santos. ‘Vou guardar o que ele disse. Foi um negócio legal, bom’, acrescentou, sorridente.Por sua vez, Leão disse que decidiu orientar Neymar na condição de torcedor. ‘Conversei algumas coisas com ele porque tenho preocupação. A Copa do Mundo será aqui, e quero vencê-la como brasileiro. Passei isso para ele. Quis dar uma ajuda como pessoa mais experiente que sou, apesar de estar em outro time. Para o bom atleta, todo mundo é técnico e fã’, comentou.

Leão, no entanto, também aconselhou Neymar a não provocar seus rivais. ‘Não quero menosprezar ninguém. Jamais. É ousadia e alegria. Nada mais do que ousadia e alegria, o meu lema’, simplificou o bem-humorado santista.

A felicidade de Neymar já conquistou até o sisudo Leão. ‘Não o conheço tão bem, mas tenho certeza de que é o primeiro ou o segundo melhor jogador do mundo. Até os adversários colaboram com ele, por incrível que pareça’, afirmou, referindo-se à falha de Denis no terceiro gol santista. O próprio treinador tenta ajudar com seu ‘toque especial’. ‘Sempre tento ajudar. Sou fã do Neymar.’

Continua após a publicidade
Publicidade