Clique e assine com até 92% de desconto

Negociação de Carlos Eduardo com Grêmio deve se estender até janeiro

Por Da Redação 27 dez 2011, 14h24

O meia-atacante Carlos Eduardo, revelado pelo Grêmio, aguarda uma resposta positiva da diretoria do Rubin Kazan, da Rússia, para voltar ao Olímpico em 2012. As negociações, no entanto, só devem ser concluídas após a virada de ano.

‘Todos os esforços foram feitos, mas antes do ano-novo é muito difícil’, informou à Rádio Gaúcha o empresário Jorge Machado, que representa o atleta e se diz otimista. ‘O otimismo sempre existe, faz parte da minha vida profissional. O Carlos Eduardo quer muito isso (voltar ao Grêmio) e, pelas conversas que tivemos, acreditamos que possa acontecer’.

O Rubin Kazan, inicialmente, só aceitava se desfazer do jogador em definitivo e recebendo uma alta quantia em troca. Agora, já se cogita renovar o contrato de Carlos Eduardo por mais uma temporada, emprestá-lo ao Grêmio em 2012 e recebê-lo de volta valorizado e ainda com três anos de vínculo a cumprir.

A decisão está nas mãos de Alexander Aybatov, que assumiu a diretoria de futebol do clube russo recentemente, quando as tratativas com o Tricolor Gaúcho já estavam em andamento. De acordo com Machado, a comissão técnica já deu o aval para que o negócio seja feito e pode ajudar o time brasileiro.

Continua após a publicidade
Publicidade