Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Manchester perde do Newcastle e vê City se distanciar

Por AE

Newcastle – O Newcastle quebrou um jejum que já durava mais de 10 anos ao vencer o Manchester United, nesta quarta-feira, por 3 a 0, em casa, pela 20.ª rodada do Campeonato Inglês. A última vez que o time alvinegro havia vencido os comandados de Alex Ferguson havia sido em setembro de 2001. Também nesta quarta, o Bolton venceu o Everton por 2 a 1. O goleiro Haward, com um chutão do campo de defesa, marcou o gol do time de Liverpool.

Esta foi a segunda derrota seguida do Manchester United, algo raro no atual vice-campeão europeu. No sábado, a equipe havia perdido em casa para o então lanterna Blackburn Rovers, por 3 a 2. Como o City, que também perdera na última rodada do primeiro turno, conseguiu se recuperar e venceu o Liverpool na terça, o time do técnico Roberto Mancini agora tem três pontos de folga na liderança do Campeonato Inglês. O City tem 48, o United 45.

Com o reforço do Rooney, que não pegou o Blackburn, o Manchester era favorito sobre o Newcastle, mas saiu perdendo com um gol de Demba Ba. O jogador, um dos destaque do Campeonato Inglês, aproveitou chutão do goleiro Kru, que Ameobi desviu de cabeça, e acertou um belo voleio de primeira, sem deixar a bola cair, para abrir o placar.

Logo na volta do intervalo, Demba Ba foi derrubado por Jones na entrada da área. Cabaye bateu no ângulo direito e Lindegaard, que substituiu De Gea, não chegou – o antigo titular, que falhou no sábado, ficou no banco.

Para completar o vexame, já nos acréscimos, um gol bizarro. Krul deu mais um chutão, que chegou até a área do Manchester. Jones abaixou para tentar cortar de cabeça, deixou a bola bater no seu joelho e marcou contra.

Mas esse não foi o gol mais estranho do dia na Inglaterra. No jogo entre Everton e Bolton, o time de Liverpool, jogando em casa, abriu o placar com o seu goleiro Tim Howard. O norte-americano deu um chutão da sua própria área, para repor a bola, mas o vento ajudou. A bola quicou na entrada da área adversária, subiu mais que Bogdan esperava e encobriu o goleiro. Depois Ngog e Cahill viraram para o então lanterna, que agora é o 18.º.