Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Kieza dá adeus ao Timbu e critica diretoria: ‘Só um lado se esforçou’

Artilheiro do Campeonato Brasileiro da Série B em 2011, o atacante Kieza está treinando em separado no Cruzeiro, clube que detém seus direitos econômicos, mas não deseja sua permanência. Nesta segunda-feira, o jogador publicou uma carta aberta ao torcedor do Náutico, time que defendeu no ano passado, e aproveitou para criticar a diretoria que ‘não se esforçou’ para acertar sua permanência.

Desde que o contrato de empréstimo se encerrou, em dezembro, o jogador manifestou interesse em permanecer e o próprio Cruzeiro aceitou negociar. O problema é que a diretoria do Timbu não concretizou uma proposta oficial que agradasse à cúpula da equipe celeste, que preferiu ver Kieza afastado do que aceitar o negócio.

Entretanto, o atacante de 25 anos condena mesmo a diretoria do clube pernambucano, que não teria se esforçado o suficiente para manter o principal jogador de 2011 no plantel. ‘Confesso que não faltaram esforços da minha parte para que eu continuasse. Fiz tudo o que foi possível, inclusive me indispondo com o Cruzeiro, clube até então detentor de parte dos meus direitos econômicos. Mas, infelizmente, apenas um lado se esforçou nessa história’, disse Kieza na carta.

Divulgada pela assessoria de imprensa do atacante, a manifestação traz a lamentação por não permanecer, mas principalmente o agradecimento aos jogadores com quem formou uma verdadeira ‘família’ e à torcida do Timbu, da qual ele passa a fazer parte.

‘Lamento profundamente não seguir aqui. Sinto que ainda não encerrei a minha história no Náutico e tenho certeza de que em breve retornarei para escrever novos capítulos. Com o coração apertado e já com saudades, me despeço desta torcida tão especial, a qual agora também passo a fazer parte’, afirmou Kieza na carta aberta à torcida alvirrubra.