Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Giants vencem Patriots e conquistam o Super Bowl

O New York Giants conquistou o 46º Super Bowl ao vencer o New England Patriots por 21-17 na grande final do futebol americano, disputada no domingo no estádio Lucas Oil de Indianápolis, o que provocou uma explosão de euforia em Nova York.

Esta foi a segunda vitória do NY Giants em um Super Bowl sob o comando do quarterback Eli Manning, que foi eleito o MVP (Jogador Mais Valioso) da partida, assim como já havia acontecido em 2008, quando o time de Nova York também derrotou os Patriots na final.

Além disso, esta foi a sexta vitória seguida dos Giants na temporada, incluindo quatro nos playoffs. A equipe derrotou na pós-temporada Atlanta Falcons, o campeão do ano passado Green Bay Packers e o San Francisco 49ers.

Na temporada regular a equipe teve nove vitórias e sete derrotas.

O touchdown decisivo da partida foi anotado por Ahmad Bradshaw, que correu seis jardas até a end zone a 57 segundos do fim da partida.

Esta é a quarta conquista do Superbowl dos Giants, que já haviam vencido as edições de 2008, 1991 e 1987.

Com o resultado o New England Patriots não conseguiu a revanche da partida de 2008, quando a equipe de Tom Brady chegou ao Superbowl invicta, mas foi surpreendida pelos Giants por 17-14, também com um touchdown nos últimos segundos.

A final começou bem para os Giants. Com uma defesa forte, a equipe fez 2-0 após Brady cometer um ‘safety’ e ampliou para 9-0 após um touchdown de Víctor Cruz.

Depois de ser dominado em boa parte do primeiro tempo, os Patriots reduziram o placar para 93 com um field goal de Stephen Gostkowski e terminaram o segundo quarto com 10-9, após um passe de Tom Brady para um touchdown de Danny Woodhead.

No início do terceiro quarto, a equipe da Nova Inglaterra ampliou a vantagem para 17-9 após um passe de 12 jardas de Brady para um touchdown de Aaron Hernández.

O kicker Lawrence Tynes voltou a colocar os Giants na partida com dois field goals, que deixaram o placar em 17-15 para os Patriots ao fim do terceiro quarto.

No último quarto, Brady foi interceptado e deu a chance de Eli Manning repetir o feito de 2008: comandar uma campanha nos últimos minutos para a vitória.

Em 2008, uma jogada entrou para a história, quando no fim da partida Manning se livrou de três adversários e fez um lançamento para David Tyree, que cercado por dois rivais, segurou a bola com a ajuda do capacete e permitiu o avanço para o touchdown decisivo.

No Super Bowl 46, Eli Manning praticamente repetiu a façanha com um passe de 38 jardas para Mario Manningham, que conseguiu segurar a bola com os dois pés dentro de campo, na lateral, em um lance acrobático.

O ‘first down’ permitiu o avanço dos Giants, que concretizaram o touchdown com a corrida de seis jardas de Bradshaw no minuto final e deixaram o placar em 21-17.

Brady ainda teve a chance de arriscar um passe ‘hail mary’ no último segundo, mas a defesa de Nova York impediu a recepção dos Patriots, sacramentou a vitória e deu início à festa em Indianápolis e Nova York.

A estrela pop Madonna fez o show do intervalo desta edição da grande partida do futebol americano, um grande espetáculo exibido para uma audiência de 110 milhões de telespectadores nos Estados Unidos.

Com quatro músicas, Madonna contou com as participações especiais do grupo LMFAO, das cantoras M.I.A. e Nicki Minaj, além do cantor Cee Lo Green.

A partida mais lucrativa do ano no esporte americano deve levar 150 milhões de dólares para a economia da cidade de Indianápolis.