Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Contra a Ponte, Galo estreia no Brasileiro disposto a quebrar tabu

O Atlético-MG estreia no Campeonato Brasileiro neste domingo, contra a Ponte Preta, às 16 horas (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Tradicionalmente, a Macaca é uma pedra no sapato do Galo, já que o time mineiro jamais venceu o adversário do interior paulista atuando fora de casa, em jogos oficiais.

Além de quebrar o tabu de não ganhar da Ponte Preta em Campinas, o Atlético-MG tentará manter a escrita de não perder em estreias de Brasileiros. Desde o nascimento da era dos pontos corridos em 2003, o Galo nunca saiu de campo com um revés, foram cinco vitórias e quatro empates.

O lateral esquerdo Richarlyson sabe que o Atlético-MG terá dificuldades diante da Macaca, mas o jogador frisa que no Campeonato Brasileiro não existe partida fácil. Segundo ele, para fazer uma boa campanha no Brasileirão, é necessário ter regularidade, vencendo os jogos em casa e sempre buscando pontos atuando longe da torcida.

‘Regularidade. No campeonato podemos perder o mínimo de pontos em casa e temos que beliscar pontos fora, sobretudo contra adversários diretos. Não tem mística ou segredo, é a regularidade em si. Em outubro ou novembro o campeonato se afunila, e aí saberemos se poderemos empatar determinado jogo, ou até perder, caso a gente tenha acumulado aquela gordurinha’, disse.

Para o primeiro jogo do Brasileiro, o técnico Cuca terá problemas para armar o time do Atlético-MG, que tem vários jogadores lesionados. Além dos volantes Fellipe Soutto e Leandro Donizete e do atacante Neto Berola que já estavam fora do confronto diante da Macaca, o também volante Serginho, com um estiramento leve na região posterior da coxa direita, e o atacante Guilherme, com estiramento na panturrilha esquerda, estão fora do confronto no interior paulista.

A Ponte Preta também terá problemas para a partida contra o Galo. Por atuar contra o Atlético-MG, a Macaca tem dois desfalques confirmados para a estreia no torneio nacional. Emprestados pelo time mineiro, os meias Caio e Nikão estão vetados por força de contrato. Além destes dois atletas, o lateral-direito Guilherme e o volante João Paulo podem ficar fora do primeiro jogo devido à lesões.

Outro problema de última hora é o volante William Magrão, o atleta estava relacionado para atuar contra o Atlético-MG, na estreia da Macaca no Brasileiro, mas o atleta teve o contrato rescindido na última sexta-feira, e acertou ida para o arquirrival do Galo, o Cruzeiro, a pedido do técnico Celso Roth.

Apesar dos problemas, o volante Somália aposta em uma boa campanha da Ponte. Segundo ele, o elenco está motivado para brilhar no Brasileiro. ‘Se fossem fazer uma bolsa de apostas, acho que poucos apostariam na Ponte, mas o grupo tem vontade e garra para superar os obstáculos. Eu aposto na Ponte, sempre. O brilho nos olhos de quem está aqui motiva qualquer um’, disse.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA X ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Data: 20 de maio de 2012 (domingo)

Horário: 16h (horário de Brasília)

Árbitro: Francisco Carlos Nascimento (AL)

Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Carlos Jorge Titara da Rocha (AL)

PONTE PRETA: Lauro; Cicinho, Ferron, Diego Sacoman e Uendel; Fábio Bahia, João Paulo, Somália e Enrico; Tony e Roger

Técnico: Gilson Kleina

ATLÉTICO-MG: Giovanni; Marcos Rocha, Réver, Rafael Marques e Richarlyson; Pierre, Dudu Cearense, Bernard, Danilinho e Mancini; André

Técnico: Cuca