Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Atlético-PR bate Ceará e segue na luta contra a degola

Por Júlio César Lima

Curitiba – O Atlético Paranaense venceu o Ceará por 1 a 0, neste domingo, na Arena de Baixada, em Curitiba, e conseguiu respirar no Campeonato Brasileiro. No entanto, ainda continua na zona de rebaixamento após a realização da 31.ª rodada. O resultado manteve a equipe na 18.ª colocação, agora com 31 pontos. Já o Ceará ficou nos 32, também muito ameaçado pela degola.

O time cearense mostrou desde o início que jogaria na defesa, esperando por algum erro da equipe da casa. Já o Atlético, pressionado pela má posição na tabela de classificação, não controlava os nervos e errava muitos passes.

O técnico atleticano Antônio Lopes apostou nos alas Wagner Diniz (direito) e Heracles (esquerdo) e as jogadas mais perigosas aconteciam pelas laterais do campo. Aos 26 minutos, Paulo Baier cabeceou uma bola na trave do goleiro Fernando Henrique.

De tanto insistir, o Atlético chegou ao primeiro gol aos 32 minutos, quando Paulo Baier marcou de falta ao chutar no ângulo direito de Fernando Henrique, que só ficou observando a bola entrar em sua meta.

Na segunda etapa, o Ceará, que jogava desfalcado do atacante Osvaldo, o seu principal jogador, tentou adiantar a marcação. A estratégia deu certo durante um período, mas a boa postura defensiva do time da casa segurou o resultado.

Pela 32.ª rodada, os dois clubes jogarão no próximo sábado, a partir das 18 horas (de Brasília), O Atlético viajará até São Paulo para enfrentar o Santos, no estádio do Pacaembu. Já o ceará atuará em Fortaleza, no estádio Presidente Vargas, contra o Fluminense.

Ficha técnica

Atlético-PR 1 x 0 Ceará

Atlético-PR – Renan Rocha; Wagner Diniz (Edilson), Manoel, Gustavo e Heracles; Deivid, Marcelo Oliveira (Marcinho), Cleber Santana e Paulo Baier; Guerrón e Nieto (Wendel). Técnico: Antônio Lopes.

Ceará – Fernando Henrique; Boiadeiro (Egídio), Fabrício, Daniel Marques e Vicente (Marcelo Nicácio); Michel, Careca (Rudnei), João Marcos e Euzébio; Felipe Azevedo e Washington. Técnico: Estevam Soares.

Gol – Paulo Baier, aos 32 minutos do primeiro tempo.

Cartões amarelos – Marcelo Oliveira e Guerrón (Atlético-PR); Washington e João Marcos (Ceará).

Árbitro – Salvio Spínola Fagundes Filho (Fifa/SP).

Renda – R$ 174.040,00.

Público – 12.186 pagantes.

Local – Arena da Baixada, em Curitiba (PR).