Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após derrota para o Galo, Flu projeta reação longe de casa

A derrota por 2 a 0 para o Atlético-MG não estava nos planos do Fluminense. Além de ser um jogo em casa e contra um time que luta contra o rebaixamento, o resultado fez o Tricolor estacionar nos 50 pontos, ficando distante da luta pelo título do Campeonato Brasileiro. A permanência na zona de classificação para a Copa Libertadores só aconteceu por conta do tropeço do São Paulo, que ficou no 0 a 0 com o Coritiba.

Agora, a ordem nas Laranjeiras é recuperar os pontos perdidos nos confrontos fora de casa, que serão dois em sequência. Neste sábado, o Fluminense visita o Ceará, às 18 horas (de Brasília), no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE), pela 32rodada do Brasileiro. No fim de semana seguinte, um compromisso que se desenha ainda mais complicado, diante do Internacional, no Rio Grande do Sul.

‘Nós perdemos pontos importantes contra o Atlético-MG, que não poderiam ter sido desperdiçados. Sem nenhum desrespeito ao nosso adversário, que tem seus objetivos na competição, o Fluminense precisa, neste momento decisivo, ganhar seus jogos como anfitrião. Já que não fizemos o resultado no Rio de Janeiro, vamos tentar recuperar os pontos como visitantes e a primeira oportunidade será contra o Ceará’, disse o atacante Rafael Sóbis.

Nesta quarta-feira, o técnico Abel Braga começa a projetar a equipe que pretende utilizar diante dos cearenses. Muitas modificações irão acontecer a começar pela zaga, que se tornou uma dor de cabeça. Leandro Euzébio foi expulso diante dos mineiros e terá que cumprir suspensão.

Elivélton, de apenas 19 anos, e revelado nas categorias de base, pode ter a primeira oportunidade, compondo dupla com Márcio Rosário. Outra possibilidade é recuar o volante Edinho para o setor, posição que o atleta já jogou em diversas ocasiões. O setor vem sofrendo principalmente por conta das lesões de Gum e de Digão, que não poderão mais jogar em 2011.

‘Caso o Abel decida pela minha escalação estarei pronto para tentar agarrar essa chance e retribuir a confiança que será depositada em mim’, afirmou Elivélton, que durante os treinos vem sendo elogiado pelo treinador.

No meio-campo, Rodrigo e Fernando Bob não agradaram e vão perder seus lugares na equipe. Assim, Diguinho, recuperado de uma lesão na costela, deve reaparecer, assim como Marquinho, que cumpriu suspensão contra os mineiros. O apoiador brasileiro naturalizado português Deco, que foi preservado pela comissão técnica por apresentar dores musculares na coxa direita, deve reaparecer no posto do argentino Lanzini.

Deco, inclusive, realizou trabalhos físicos durante a sua folga nas Laranjeiras e nada sentiu, animando o departamento de preparação física do elenco. No ataque, Rafael Sóbis vai ganhar a companhia de Fred, outro que retorna de suspensão. Pior para Martinuccio, que mais uma vez deverá ficar como opção no banco de reservas. O argentino chegou a ser vaiado pelos torcedores durante o jogo contra o Atlético. Nesta quarta-feira, Abel deverá comandar um coletivo e na quinta-feira a delegação do Tricolor já embarca para a capital cearense, onde treina na sexta-feira.