Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após atuações discretas, Ganso reconhece que precisa melhorar

Após uma semana fazendo trabalho de reequilíbrio muscular, por conta da artroscopia no joelho direito, sofrida no final de maio, o meia Paulo Henrique Ganso teve uma atuação discreta no empate com a Portuguesa, neste domingo, no Canindé. O próprio jogador, que foi substituído por Gérson Magrão aos 15 minutos do segundo tempo diante da Lusa, reconheceu que o seu rendimento não foi o ideal nesta partida.

‘Falta um pouco (de condicionamento físico). Eu sei que preciso melhorar. Vou buscar sempre, com os treinamentos durante a semana, estar melhor preparado. Só assim poderei ajudar o nosso Santos e a Seleção Brasileira’, disse Ganso, em entrevista à Rádio Estadão/ESPN.

Indagado sobre a situação de sua equipe no Campeonato Brasileiro, o camisa 10 espera que o Santos encaixe uma boa sequência de resultados para deixar logo as últimas posições da competição – o Peixe ocupa o 18lugar, com cinco pontos e nenhuma vitória conquistada, em sete rodadas disputadas.Paulo Henrique Ganso espera que, mesmo com a possibilidade de o time perder o goleiro Rafael, o atacante Neymar e ele durante os Jogos Olímpicos de Londres (Inglaterra) – o trio não atuaria durante sete rodadas do Brasileirão, pelo menos -, os santistas encontrem forças para melhorar a campanha na Série A.

‘O Santos tem um grupo muito bom, mas é claro que, sem o Neymar, o Rafael e eu, a equipe perde um pouco de entrosamento. Mesmo assim, confio que o nosso time tem tudo para reverter essa situação. O Santos tem qualidade para isso’, concluiu.