Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Após 23 lugar, Bia diz que Indianápolis teve ‘saldo positivo’

Por Da Redação - 27 maio 2012, 22h52

A piloto Bia Figueiredo conquistou neste domingo o 23lugar nas 500 Milhas de Indianápolis, sua pior participação na competição. Para a ex-piloto da Andretti, no entanto, o desempenho abaixo do esperado foi decorrência de alguns problemas com o carro.

‘Tive que antecipar meu segundo pit stop porque teve um vazamento no pneu traseiro direito, e com isso perdemos uma volta. O carro parecia estar bom, mas um pouco lento. Decidimos fazer umas mudanças, a seguir fiquei no tráfego pesado, e quando fui completar uma ultrapassagem sobre o Ed Carpenter, perdi a traseira na saída da curva 1, e rodei. Foi muito repentino, não consegui consertar e para minha sorte só quebrou uma parte da asa traseira. (…) Em Indianápolis, tudo tem que ser perfeito, não pode ter um erro’, explicou.

No entanto, Bia garantiu que tais falhas serviram como aprendizado. ‘Hoje (domingo) não foi o nosso dia, mas o saldo deste mês em Indianápolis foi positivo, e eu ganhei mais uma Indy 500 de experiência (…) Foi um prazer trabalhar com a Andretti’, afirmou, lembrando que seu contrato com a equipe acabou em Indianápolis.

Publicidade