Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Agente elogia chinês do Corinthians: ‘Tem algo a mais’

Por Da Redação - 3 jan 2012, 17h52

Por AE

São Paulo – Para o empresário Flávio Pires, responsável por apresentar o jogador Chen Chen Zhizhao ao Corinthians, o chinês tem condições técnicas de jogar pelo atual campeão brasileiro. O agente, porém, lembra que a transferência é um “risco”, uma vez que a adaptação do asiático ao País não deverá ser fácil. Em entrevista à Rádio Estadão/ESPN, nesta terça-feira, Pires também pediu ajuda da imprensa para que o jogador vingue no Brasil.

“Ele (Chen) é um atacante de velocidade, um jogador agressivo. O Chen tem algo a mais, tem habilidade também. Eu não sei se é a palavra certa, mas ele é inteligente para chutar ao gol, agressivo. Eu tenho certeza que ele vai ajudar bastante o elenco do Corinthians”, opinou Flávio Pires. “O jogador tem condições técnicas de atuar no futebol brasileiro”, assegura.

De acordo com o empresário, este atua há “cinco ou seis anos” com o mercado chinês e tratou da transferência diretamente com o departamento de futebol do Corinthians. “A diretoria de marketing estava ajudando também”, completa Pires. O agente intermediou também a frustrada ida do lateral japonês Hiroki Sakai, do Kashiwa Reysol, para o Santos.

Publicidade

Indicando temer que a pressão da opinião pública por um bom futebol atrapalhe a adaptação de Chen ao Brasil, Pires insistiu na necessidade de apoio da imprensa ao chinês. “Se todo mundo colaborar, vai ser bom inclusive para a mídia”, opinou. “Eu acredito que o principal, além de ter um jogador que tem capacidade técnica e competência para atuar aqui, é que a gente vai estar divulgando o campeonato, o produto brasileiro fora do Brasil. Com isso abre mais as portas do mercado brasileiro”, disse o empresário.

Pires lembrou, porém, que a adaptação de Chen ao Brasil não será fácil. “Sempre há um risco. É a mesma coisa que tentar levar um jogador brasileiro para lá (China). Família que fica longe, tudo acaba influindo. Vai ter que ter um prazo de adaptação de língua, de tudo. Se todo mundo colaborar, o clube, vocês da mídia, se todo mundo colaborar vai ser bom para todo mundo”, reforçou.

Na entrevista à Rádio Estadão/ESPN, o empresário revelou que está intermediando outras duas negociações com o futebol chinês. Vão para lá o atacante Anselmo, ex-Palmeiras, que disputou o Campeonato Brasileiro pelo Atlético-GO e o meia Antônio Flávio, que estava no São Caetano.

Publicidade