O clipe ‘É o Tchan’ de Jennifer Lopez e Iggy Azalea

As cantoras encarnam as dançarinas do grupo de axé baiano em ‘Booty’

Por Da Redação - 19 set 2014, 17h13

Depois da Anaconda de Nicki Minaj, chegou a vez de Jennifer Lopez prestar uma homenagem ao seu próprio derrière no clipe de Booty, lançado na noite desta quinta-feira. Ao rebolado da cantora americana, juntou-se o da rapper australiana Iggy Azalea, que fez uma participação especial na música e contribuiu para dar o clima “É o Tchan” do vídeo: tal como as dançarinas do grupo de axé, Sheila Mello e Scheila Carvalho, Iggy, a loira, e Jennifer, a morena, ensaiam passos iguais e agitam os glúteos para cima e para baixo.

Leia também:

Cobra de Nicki Minaj pica dançarina em ensaio do VMA

Jennifer Lopez, Mariah Carey e o declínio das divas

Publicidade

Jennifer Lopez comenta abertura da Copa: “Foi surreal!”

O clipe começa com uma contagem regressiva, criando expectativa para o que está por vir: uma explosão de sensualidade. Ou quase isso. A imagem dos derrières das moças não para de pipocar na tela e se torna cansativa. No final, Jennifer Lopez diz que vai mostrar como deve ser o rebolado perfeito e começa a rebolar para valer, em cenas até menos comportadas do que as mostradas nos clipes da banda de axé. A impressão que fica é a de que, a qualquer momento, Cumpadre Washington e Jacaré podem aparecer sambando no vídeo.

Booty, título emprestado da parte que fez a fama de J-Lo e também de Valesca Popozuda, é faixa do oitavo disco de estúdio de Jennifer, A.K.A. Como música, não traz nenhuma novidade, com a costumeira exploração da sonoridade latina da cantora, em versos rasos como “All the sexy girls in the party/ Go and grab a man, bring him to the dance floor” (algo como “Todas as garotas sexy da festa/ Procurem um homem, tragam-no para a pista de dança”), e a participação de um rapper – Pitbull no álbum e Iggy no clipe.

Publicidade