Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jack Black, de ‘Escola do Rock’, defende terror infantil

Ator visita o país para divulgar ‘Goosebumps: Monstros e Arrepios’, que estreia quinta

O ator Jack Black (Escola do Rock) chegou ao Brasil nesta terça-feira para divulgar Goosebumps: Monstros e Arrepios, longa infantojuvenil, com traços de terror, que chega aos cinemas nesta quinta-feira. Em coletiva de imprensa promovida em São Paulo, o ator defendeu o estilo que mistura medo e risos para crianças. “Os filmes de terror de hoje em dia são muito pesados. Falta no cinema esse tipo de longa que assusta e diverte, como E.T. – O Extraterrestre e Os Goonies“, relembrou o ator sobre as produções clássicas de 1982 e 85, respectivamente.

Leia também:

‘Goosebumps’, de Jack Black, bate Tom Hanks e Matt Damon nos EUA

Jack Black reencontra elenco do filme ‘Escola de Rock’, dez anos depois

Na trama, Black é R. L. Stine, escritor que na vida real criou os livros de Goosebumps, série que lhe rendeu o apelido de Stephen King da literatura infantil. No filme, Stine é surpreendido por um adolescente apaixonado por sua filha que, sem querer, libera pela cidade monstros que vivem dentro dos livros do autor. “No começo, ele parece um vilão, mas na verdade ele é só um homem fechado que criou monstros para se proteger. É um menino atrás de muros”, diz Black.

O longa foi lançado na semana passada nos Estados Unidos e alcançou o topo das bilheterias, deixando para trás Perdido em Marte. “Sempre existe a expectativa de um filme se sair bem em bilheteria e ganhar sequência. Mas não sei como continuar essa história, usamos todos os monstros de uma só vez. É como Os Vingadores com monstros. Deveríamos ter feito filmes com um de cada vez”, brinca.

Black, contudo, sugeriu como sequência uma história que, com certeza, daria bilheteria. “Deveríamos fazer os personagens de R. L. Stine contra os de J.K. Rowling”, diz, antes de se arrepender. “Droga, não deveria ter falado isso. Pois é realmente uma boa ideia.”