Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

USP, Unesp e Unicamp estudam integrar suas matrículas

Objetivo é combater atraso na divulgação de listas de vagas remanescentes

Por Da Redação
14 jun 2011, 08h58

“A ideia é aproximar mais ainda as ações das três universidades e tornar o processo de matrícula mais eficiente e rápido”, disse a pró-reitora de graduação da USP

A Universidade de São Paulo (USP), a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e a Universidade Estadual Paulista (Unesp) querem integrar seus processos de inscrições e matrículas a partir do ano que vem. O objetivo da proposta, ainda em estudo, é evitar matrículas múltiplas em mais de uma instituição – o que atrasa a divulgação das listas de aprovados para as vagas que sobram nas instituições.

Apesar de uma lei federal proibir que uma mesma pessoa ocupe simultaneamente duas vagas de graduação em instituições públicas de ensino superior, muitos alunos aprovados em duas ou mais universidades acabam se matriculando em todas elas para mais tarde decidir onde querem estudar. Após feita a opção, eles confirmam o interesse pela vaga somente no curso escolhido – deixando, então, as demais vagas livres.

Leia também:

Leia também: em novo blog, as informações sobre o Enem e os vestibulares

Continua após a publicidade

Essa prática acaba atrasando as próximas convocações e faz com que os últimos chamados ingressem nos cursos quase um mês depois do início das aulas. “A ideia é aproximar mais ainda as ações das três universidades e tornar o processo de matrícula mais eficiente e rápido”, disse a pró-reitora de graduação da USP, Telma Zorn. Os candidatos teriam um período curto – três dias – para se decidir por uma vaga.

A proposta em discussão sugere que as matrículas das três universidades sejam feitas no mesmo dia ou no mesmo período. As outras convocações também seriam concomitantes. Com a unificação dos sistemas, um aprovado na USP e na Unicamp numa mesma chamada, por exemplo, só vai poder se matricular em uma delas, liberando a outra vaga. Todos seguem livres para prestar vestibular em diferentes instituições.

(Com Agência Estado)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.