Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Série derivada de ‘Game Of Thrones’ é cancelada pela HBO

Estrelado por Naomi Watts, o episódio piloto já havia sido gravado e estava em fase de aprovação

Por Redação Atualizado em 29 out 2019, 17h50 - Publicado em 29 out 2019, 17h17

A primeira série derivada de Game Of Thrones autorizada pela HBO foi cancelada, garante o site americano Deadline. A emissora já tinha rodado o episódio piloto, estrelado por Naomi Watts. O spin-off estava em fase de aprovação com os executivos do canal, que decidiriam se o projeto seguiria em frente com uma temporada completa. A HBO, até o momento, não se manifestou sobre o assunto.

O presidente de programação da HBO, Casey Bloys, disse em julho, durante evento da Associação de Críticos de Televisão (TCA, na sigla em inglês), estar animado. “Parece que ficou muito bom. O elenco é incrível.” Segundo o Deadline, a showrunner Jane Goldman entrou em contato com o elenco para avisar que o projeto chegou ao fim.

O seriado iria se passar milhares de anos antes dos eventos mostrados em Game of Thrones e explorar como o mundo saiu de sua “era dourada dos heróis” para um momento sombrio e de decadência. “Dos segredos horripilantes da história de Westeros à verdadeira origem dos Caminhantes Brancos, dos mistérios do leste às lendas dos Starks, só há uma certeza: essa não é a história que achamos que conhecemos”, dizia a sinopse.

Além de Naomi Watts, a produção, prevista para estrear em 2020, tinha no elenco Naomi Ackie (Star Wars: A Ascensão Skywalker), Denise Gough (Colette), Sheila Atim (Harlots), Ivano Jeremiah (Humans) e Georgie Henley (As Crônicas de Nárnia).

  • De acordo com George R.R. Martin, autor de As Crônicas de Gelo e Fogo, série de livros que deu origem ao seriado na TV, a Westeros do programa derivado seria um lugar bem diferente daquele mostrado em Game of Thrones. “Não há Porto Real. Não há Trono de Ferro. Não há Targaryens”, disse o autor. Agora, ao que tudo indica, realmente não há — nem haverá — mais nada.

    Continua após a publicidade

    Enquanto isso, em uma galáxia bem distante de Westeros, os co-criadores de Game Of Thrones, David Benioff e D.B. Weiss, anunciaram na manhã desta terça-feira, 29, que desistiram de conduzir a próxima trilogia da saga Star Wars, prevista para 2022. A dupla diz que optou por direcionar seus esforços para os próximos projetos com a Netflix — a gigante do streaming assinou um contrato de cinco anos e modestos 250 milhões de dólares com os produtores.

     

     

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade