Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Lindsay Lohan faz acordo e pega 90 dias de rehab

Atriz admite ter mentido para a polícia quando disse que não estava dirigindo carro durante batida e pega também 30 dias de serviços comunitários e dezoito meses de terapia

Por Da Redação 18 mar 2013, 18h22

Lindsay Lohan aceitou o acordo oferecido pela promotoria de Los Angeles, que a acusava de mentir ao dizer que não estava ao volante durante acidente de carro em 2012, e escapou de ir para a prisão. Ao admitir que havia mentido, Lindsay converteu cinco dias atrás das grades por direção perigosa em uma nova temporada na rehab. O acordo vai além. No total, a atriz-problema de Hollywood vai passar 90 dias em uma clínica de reabilitação, 30 dias cumprindo serviços comunitários e dezoito meses em terapia. Também terá de pagar diversas multas de valor não divulgado por violação de sua condicional pelo roubo de um colar em uma joalheira em 2011.

LEIA TAMBÉM:

Eu não sou a Lindsay Lohan, desabafa Justin Bieber

A atriz poderá cumprir a pena em Nova York, onde mora, e terá descontado dos dezoito meses de terapia prescritos pela justiça o tempo que já teve como paciente, segundo o site TMZ.

O juiz do caso, James Dabney, determinou ainda que Lindsay se mantenha longe de substâncias químicas e de amigos usuários. A atriz terá de passar por testes de uso de drogas para comprovar a abstinência. E, se depender da dica de amigo dada pelo juiz na audiência, ela também vai passar longe de automóveis. “Não dirija”, disse Dabney.

Lindsay Lohan se atrasou 48 minutos para a audiência desta segunda-feira, depois de perder dois voos comerciais de Nova York para Los Angeles, e recorrer a um jatinho particular para chegar ao tribunal – o primeiro voo, no sábado, ela desistiu de pegar, e no domingo deixou o avião por suspeitar de vazamento de combustível, segundo o TMZ. Quando chegou ao tribunal, a atriz foi atingida por glitter lançado por um desconhecido.

A garota-problema enfrenta acusações desde 2007, quando foi condenada por dirigir bêbada e com posse de cocaína e não cumpriu a pena de comparecer às reuniões de um grupo de apoio a alcoólatras.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês