Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Radar TVeja: Tapinha na mesa de Temer não convence

A condução errática da comunicação e do marketing parece estar na origem de várias das escorregadas iniciais de Michel temer. Mesmo quando entra para tentar corrigir falhas em outras áreas, a estratégia de comunicação tem sido um tanto infantil. E não só porque o filho de Temer, Michelzinho, escolheu o slogan do governo. Outros gestos, […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 22h39 - Publicado em 24 Maio 2016, 20h42

https://videos.abril.com.br/veja/id/1397cb755ee00f3d303d8848f9c33708?

A condução errática da comunicação e do marketing parece estar na origem de várias das escorregadas iniciais de Michel temer.

Mesmo quando entra para tentar corrigir falhas em outras áreas, a estratégia de comunicação tem sido um tanto infantil.

E não só porque o filho de Temer, Michelzinho, escolheu o slogan do governo. Outros gestos, como a batidinha que Temer deu na mesa nesta quarta-feira para tentar passar firmeza nas decisões, mostram o improviso nessa área.

O tapa não teve nada de espontâneo. Nem de convincente. Serviu para reforçar o que pretendia negar: que o presidente é suscetível a pressões e já voltou atrás em um número recorde de decisões em menos de duas semanas na Presidência.

Continua após a publicidade

Recriou o Ministério da Cultura, cedeu ao baixo clero ao nomear como líder do governo um investigado por assassinato, vai recriar a secretaria de reforma agrária, desta vez inexplicavelmente subordinada à presidência, e demitiu o ministro do Planejamento.

Pode, ainda, dar de novo ao presidente do Banco Central o status de ministro para que conserve o foro privilegiado.

Por fim, Temer não foi feliz ao dizer que sabe lidar com bandidos. Diante da aproximação da Lava-jato de pessoas próximas ao presidente interino, a habilidade pode ser, de fato, necessária.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.