Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Petrobras fecha acordo para enterrar um esqueleto do PT nos EUA

Chegou no último dia 11 na Suprema Corte do Texas a minuta final do acordo entre a Petrobras e a Astra; é o fim da guerra pela refinaria de Pasadena

Por Robson Bonin Atualizado em 20 jan 2022, 20h36 - Publicado em 22 jan 2022, 10h24

Chegou no último dia 11 na Suprema Corte do Texas a minuta final do acordo entre a Petrobras e a Astra. As duas companhias concordam em recolher as armas agora e no futuro e não desenterrar questões do passado. É o fim da guerra pela refinaria de Pasadena.

Para quem não lembra, foi a própria Dilma Rousseff quem desenterrou falcatruas relacionadas ao negócio realizado pela estatal nos Estados Unidos. Dilma disse que só aprovou o negócio porque recebeu relatórios falhos da direção da estatal.

Em 2006, a Petrobras pagou 360 milhões de dólares por 50% da refinaria (190 milhões de dólares pelos papéis e 170 milhões de dólares pelo petróleo que estava em Pasadena). O valor foi muito superior ao pago um ano antes pela belga Astra Oil pela refinaria inteira: 42,5 milhões de dólares.

Em 2015, um ex-executivo da Petrobras admitiu em delação que a compra de Pasadena foi levada adiante pelo petismo instalado na estatal para honrar compromissos políticos. A reforma da refinaria, segundo contou o delator, seria entregue à empreiteira Odebrecht, que entroca abasteceria o caixa do PT. A reforma, no entanto, não foi para frente.

O escândalo de Pasadena explodiu em 2014 no surgimento da Lava-Jato em Curitiba.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês