Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Pacheco diz que Senado analisará nomes de Dino e Gonet em dezembro

Presidente da Casa diz que recebeu ligação de Lula avisando sobre as escolhas e convocará esforço concentrado para sabatinas e votações

Por Nicholas Shores Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO , Gustavo Maia Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 27 nov 2023, 17h58 - Publicado em 27 nov 2023, 14h57

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, afirmou nesta segunda-feira que convocará um esforço concentrado entre 12 e 15 de dezembro para a análise das indicações do ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, a uma vaga no STF e do subprocurador-geral da República Paulo Gonet ao comando da PGR.

Ambos os indicados precisam ser aprovados em sabatinas na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa antes que seus nomes sejam submetidos ao plenário. Para o aval definitivo às indicações, são necessários ao menos 41 votos favoráveis – a maioria absoluta da composição do Senado. O voto é secreto.

Em entrevista a jornalistas, Pacheco disse que recebeu ligação de Lula na manhã desta segunda informando que formalizaria as indicações de Dino e Gonet. Mais tarde, as mensagens chegaram oficialmente ao Senado, entregues simbolicamente pelo líder governista Jaques Wagner ao presidente da Casa, e serão remetidas à CCJ.

Além da dupla indicada nesta segunda, estão pendentes, segundo Pacheco, as análises de duas indicações para o Banco Central, quatro para o Cade, duas para a Comissão de Valores Mobiliários, “algumas embaixadas” e “muitos membros” do Conselho Nacional de Justiça e do Conselho Nacional do Ministério Público. 

“Então vamos ter que fazer um esforço concentrado para poder fazer a apreciação de todas essas autoridades até o final do ano, e naturalmente incluindo a PGR e o Supremo Tribunal Federal”, afirmou.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.