Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

Em baixa na música, Kanye West busca salvação no mercado pornô

Após perder muito dinheiro após cancelamentos de contratos publicitários, o músico procura novas fontes de renda

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 Maio 2024, 12h02 - Publicado em 24 abr 2024, 16h57

O próximo projeto do cantor Kanye West, segundo uma reportagem do site TMZ, será um dos mais polêmicos de sua carreira. O músico estaria determinado a entrar na indústria pornográfica e estaria em “avançadas negociações para colocar algo em funcionamento em breve”. Kanye West já afirmou no passado ter sido viciado em pornografia.

Segundo a reportagem, o rapper quer criar o Yeezy Porn Studios, que seria uma divisão mais ampla de entretenimento adulto de sua empresa Yeezy. O músico teria convidado o produtor pornográfico Mike Moz, que é ex-marido da atriz pornô Stormy Daniels, a mesma envolvida em uma disputa legal com Donald Trump, que teria pago 130.000 dólares a ela para não revelar durante a campanha presidencial o caso que os dois tiveram em 2006. A previsão de lançamento do primeiro filme seria para o final deste ano.

A empreitada do músico na indústria pornô surge meses depois dele ter feito declarações antissemitas que lhe custaram o cancelamento de diversos contratos publicitários e um prejuízo de cerca de 1,5 bilhão de dólares. O músico colocou a venda também sua mansão em Malibu.

Acompanhe notícias e dicas culturais nos blogs a seguir:

Tela Plana para novidades da TV e do streaming
O Som e a Fúria sobre artistas e lançamentos musicais
Em Cartaz traz dicas de filmes no cinema e no streaming
Livros para notícias sobre literatura e mercado editorial

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.