Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

A prova de fogo da T4F no Primavera Sound logo após caos com Taylor Swift

A produtora retorna ao Autódromo de Interlagos, um local já conhecido e testado por grandes festivais, como Lollapalooza e The Town

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 1 dez 2023, 12h41 - Publicado em 1 dez 2023, 12h03

A segunda edição do Primavera Sound, que acontece neste sábado, 2, e domingo, 3, será a primeira grande prova de fogo da T4F após o caos que ocorreu durante a passagem de Taylor Swift, em novembro, pelo Brasil. Desta vez, o festival acontecerá no autódromo de Interlagos, em São Paulo, depois da edição do ano passado ter ocorrido na Arena Anhembi. Este ano será também a primeira vez que a T4F assumirá o festival, já que no ano passado ele foi tocado pela Live Nation, numa troca de cadeiras entre as produtoras. O Lollapalooza, que há dez anos era da T4F foi para a Live Nation, por meio do seu braço Rock World (também dona do Rock in Rio e The Town), e o Primavera Sound foi para a T4F.

No ano passado, muitos fãs reclamaram do local do Primavera Sound, no Anhembi, já que havia muitas árvores em frente aos palcos, prejudicando a visão, além do transporte público até lá ter sido precário. A boa notícia é que, a despeito dos problemas enfrentados no Rio de Janeiro, a T4F deverá tirar de letra o Primavera Sound e as razões são simples: o festival vai acontecer num lugar conhecidíssimo pela empresa, onde ela realizou a maioria dos Lollapalooza e onde os fãs de festivais já estão habituados a ir.

O espaço também ganhou melhorias consideráveis neste ano feitas pela prefeitura pelo The Town, que investiram milhões de reais em infraestrutura, e o line-up, de longe, com um público bem menos engajado – e mais velho – do que o de Taylor Swift. Portanto, esqueça fãs dormindo na fila, correria para ficar na frente do palco ou perrengues do tipo.

Continua após a publicidade

O festival, surgido em Barcelona, na Espanha, tem como identidade fazer escalações de atrações com objetivo de fazer o visitante descobrir “o seu novo artista favorito”, sempre mesclando com grandes bandas do passado, criando aquele climinha de nostalgia. Ou seja, ele é feito para atrair menos fãs fanáticos e pessoas mais cool ou descoladas. Foi o que aconteceu neste ano. Neste sábado os headliners são as bandas The Killers e Pet Shop Boys. No decorrer do dia, também se apresentarão Marisa Monte, Cansei de Ser Sexy, The Hives, Metric e Black Midi. Já no domingo, tem shows do The Cure, Bad Religion e Beck, três artistas que fizeram muito sucesso há mais de 20 anos, além de outros nomes pop, como Marina Sena e Carly Rae Jepsen.

Trata-se, portanto, de uma excelente oportunidade para a T4F se redimir do fiasco com a Taylor Swift, em um festival que tem tudo para dar certo.

View this post on Instagram

A post shared by Primavera Sound São Paulo (@primaverasound.saopaulo)

Continua após a publicidade

Acompanhe notícias e dicas culturais nos blogs a seguir:

Tela Plana para novidades da TV e do streaming
O Som e a Fúria sobre artistas e lançamentos musicais
Em Cartaz traz dicas de filmes no cinema e no streaming
Livros para notícias sobre literatura e mercado editorial

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.