Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Marcela Rahal

Por Marcela Rahal
Jornalista, repórter e apresentadora. Blog de informação e análise do cenário político nacional
Continua após publicidade

Debate não estava ‘maduro’, diz Randolfe sobre adiamento dos vetos

Em live de VEJA, líder do governo no Congresso afirmou que Planalto ainda negocia acordo com parlamentares para 'maior número de consenso'

Por Marcela Rahal Atualizado em 9 Maio 2024, 12h01 - Publicado em 25 abr 2024, 09h00

O líder do governo no Congresso, senador Randolfe Rodrigues, foi o entrevistado desta quinta-feira, 25, do programa Ponto de Vista, de VEJA, transmitido sempre ao vivo a partir das 12h. O parlamentar foi abordado sobre o envio do governo federal ao Legislativo do projeto de lei complementar que regulamenta a reforma tributária, na quarta-feira 24. Além disso, Randolfe falou sobre a relação conflituosa entre Executivo e Legislativo e como isso pode impactar no andamento das chamas pautas-bomba, que podem comprometer as contas públicas.

Devido ao envio dos projetos para regulamentar a reforma tributária, Randolfe disse que a semana ‘termina virtuosa para o país’, citando a aprovação do Perse na Câmara e o adiamento da sessão conjunta no Congresso que avaliaria os vetos presidenciais. Segundo ele, o tema ainda não estava ‘maduro’ o suficiente e por isso o governo pediu para que a análise não ocorresse na quarta. Ele agradeceu o apoio do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, à decisão.

“Nós vamos chegar na semana do dia 7 de maio com tudo esclarecido, com todas as condições necessárias para apreciação dos vetos e com o governo construindo acordos que serão vantajosos para o Parlamento na apreciação desses vetos. Nós estamos avançando no entendimento sobre os vetos. Passada a turbulência, eu acho que vamos chegar em melhores condições para a sessão do Congresso que teremos entre 7 e 9 de maio do que as condições que nós teríamos no dia de ontem. E isso será melhor para o governo e para o Congresso”, afirmou.

Sobre o veto especificamente a um trecho da lei que praticamente acaba com a saída temporária de presos, o senador disse que o governo vai “conversar com os líderes” e que o “fundamento é costurarmos uma sessão no Congresso Nacional com o maior número de consenso possível”.

Articulação política

O líder do governo também ressaltou que algumas dificuldades da gestão petista no Parlamento se deve ao fato do Congresso ser “mais conservador” e ter “forças políticas mais reacionárias”. Segundo ele, o pedido que o presidente Lula faz é para sempre ‘conversar ao máximo, dialogar ao máximo’. Sobre o presidente da Câmara, Arthur Lira, e as recentes crises de articulação, Randolfe disse que ‘uma insatisfação ou outra’ é natural e agradeceu a ajuda do deputado.

“Em relação ao presidente da Câmara, o governo só tem o que agradecer. É natural que tenha uma circunstância ou outra que possa ter diferenças. Mas só temos que agradecer a condução que o presidente Arthur Lira tem dado na câmara, que foi fundamental para as matérias que o governo aprovou”, salientou.

Continua após a publicidade

Sobre o programa

O Ponto de Vista, apresentado por Marcela Rahal, também analisa as noticias do dia com o colunista Matheus Leitão.

Lembrando que você pode participar mandando sua pergunta nas nossas redes sociais ou pelo chat.

A entrevista é transmitida simultaneamente no YouTube e na home de VEJA, e para os inscritos no canal de VEJA no WhatsApp.

YouTube: https://www.youtube.com/c/veja

Continua após a publicidade

Inscreva-se nos canais de VEJA nas redes sociais e fique por dentro de tudo sobre o novo programa.

Facebook: https://www.facebook.com/Veja/

Instagram: https://www.instagram.com/vejanoinsta/

Leia mais sobre o Ponto de Vista e sobre bastidores da política nacional:

https://veja.abril.com.br/coluna/marcela-rahal

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.