Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

CannabiZ

Por André Sollitto e Ricardo Amorim
Novidades e reflexões sobre o mercado da cannabis legal, no Brasil e no mundo
Continua após publicidade

Menos viciante que tecnologia: o que pensam os americanos sobre a maconha

Pesquisa analisou opinião pública sobre cannabis e outras cinco substâncias, além da tecnologia

Por André Sollitto Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 15 Maio 2024, 23h49 - Publicado em 16 jun 2023, 12h48

Para os norte-americanos, a cannabis é uma droga muito menos perigosa que opióides, álcool, cigarros e bem menos viciante que a tecnologia. Os resultados foram obtidos pela Associação Americana de Psiquiatria em uma pesquisa feita com 2.201 entrevistados, todos adultos, entre os dias 20 e 23 de abril.

Os pesquisadores avaliaram as percepções das pessoas em relação à segurança e ao vício de seis substâncias: cigarros, álcool, opioides, cannabis, opioides sem prescrição e vape, além da tecnologia. Do total, 38% dos entrevistados disseram que a maconha é insegura. Em comparação, 84% disseram que cigarros são inseguros. De todas as categorias, a tecnologia foi considerada a mais segura, com 23% afirmando que ela oferecia algum grau de risco.

No caso do aspecto viciante, no entanto, o cenário é diferente. A maconha foi considerada a menos viciante de todas, atrás de opioides sem prescrição (74%), tecnologia (75%), vapes (81%), opioides com prescrição médica (81%), álcool (84%) e cigarros (85%).

“Percebemos claramente que os americanos sabem que cigarros são perigosos e viciantes”, afirmou o presidente da APA, Petros Levounis, em um comunicado divulgado à imprensa. “Podemos ajudar a prevenir mais americanos de incorrer em outros comportamentos potencialmente viciantes, como beber álcool e usar tecnologia. Por exemplo, vaping é tão viciante quanto, se não mais, do que fumar cigarros. Também podemos garantir que as pessoas saibam que hoje existem tratamentos seguros e eficazes para transtornos por uso de substâncias e vícios comportamentais. O tratamento da dependência funciona.”

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.