Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Nave Soyuz se acopla à ISS em tempo recorde

Pela primeira vez, nave russa se acoplou pelo 'esquema rápido', menos de seis horas após lançamento. Anteriormente, manobra tinha duração de dois dias

Por Da Redação Atualizado em 6 Maio 2016, 16h21 - Publicado em 29 mar 2013, 02h56

A nave russa Soyuz TMA-08M, que decolou na noite nesta quinta-feira com três tripulantes a bordo, se acoplou na madrugada desta sexta com sucesso à Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), informou o Centro de Controle de Voos Espaciais da Rússia.

Leia também:

Cápsula Dragon da SpaceX retorna sem problemas à Terra

Pela primeira vez na história dos acoplamentos de naves tripuladas russas à ISS, a manobra aconteceu de acordo com o chamado “esquema rápido”, seis horas depois do lançamento da Soyuz a partir da base de Baikonur. Até agora, a viagem até a estação espacial tinha duração de dois dias.

“O acoplamento aconteceu em regime automático e na hora prevista”, disse um porta-voz da Roscosmos, a agência espacial russa, citado pela agência oficial RIA Novosti. A nave levou à plataforma orbital os cosmonautas russos Pavel Vinogradov e Aleksandr Misurkin e o astronauta americano Christopher Cassidy. Os recém-chegados serão recebidos pelos atuais tripulantes da ISS: o canadense Chris Hadfield, o russo Roman Romanenko e o americano Tom Marshburn.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade