Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Risco de deslizamentos é alto em vários bairros do Rio

Cidade teve manhã caótica, com vários pontos de alagamento e problemas no trânsito. Nas próximas horas, não há previsão de chuva forte

Por Da Redação 26 abr 2011, 12h33

O Alerta Rio, sistema criado em 1997 para mapear as áreas com probabilidade de deslizamento, aponta como muito alta a probabilidade de deslizamentos de terra no Centro e na zona Norte da cidade. Tijuca e Grajaú estão entre os bairros mais castigados pelas chuvas que deixaram o Rio em estado de alerta por toda a madrugada desta terça-feira. A estação meteorológica da Tijuca registrou, às 21h de ontem, o terceiro maior maior pico de chuva desde a criação do Alerta Rio, em 1997, com um acúmulo de 99,6mm de chuva por hora.

Nas próximas horas, não há previsão de chuva forte, mas a cidade continua tumultuada. A Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, a mais importante via de ligação entre as zonas norte e oeste do Rio continua totalmente interditada devido a um deslizamento de pedra. O bloco de rocha de 300 metros cúbicos e 600 toneladas, do tamanho de um caminhão, atingiu a pista na madrugada de segunda para terça. Não houve vítimas. Equipes da Geo-Rio estão no local. Uma parte da pedra já foi detonada. Estão previstas mais detonações ao longo do dia.

A Defesa Civil Municipal recebeu, das 19h de segunda-feira até as 10h30 desta terça-feira, 200 chamados para o telefone 199. A maior parte deles (64) foi em decorrência de alagamentos. Houve 16 chamados decorreram de desabamentos de barreiras que atingiram veículos ou imóveis , 14 por imóveis com rachaduras ou infiltrações, 12 por deslizamento, 9 por desabamento de imóvel e 9 por risco de desabamento.

Neste momento, 70 pessoas estão abrigadas em pontos de apoio, até a diminuição do risco de desabamento, conforme orientação da Defesa Civil. Durante a madrugada, no morro da Formiga, foi registrado um desabamento, sem vítimas, pois os moradores deixaram o imóvel após o disparo da sirene na comunidade. No Engenho Novo, na parte da manhã, aconteceu um deslizamento de barreira, com 2 vítimas, mas nenhuma com gravidade.

Continua após a publicidade
Publicidade