Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Primo do goleiro Bruno é libertado e colocado sob proteção

Adolescente é uma das testemunhas-chave no caso do assassinato de Eliza

Um primo do goleiro Bruno, considerado uma das principais testemunhas no caso do assassinato de Eliza Samudio, foi colocado em liberdade e incluído no programa de proteção a testemunhas na semana passada. Hoje com 19 anos, o jovem foi condenado por participação no sequestro e morte da ex-amante de Bruno quando era menor de idade e cumpria medida socioeducativa desde agosto de 2010 em um centro de internação para adolescentes em Belo Horizonte. Ele foi beneficiado por uma medida judicial e, a pedido de seu advogado, Jônatas Eliezer de Almeida, foi incluído no Sistema Nacional de Assistência a Vítimas e Testemunhas Ameaçadas.

Leia mais:

A estranha onda de coincidências no caso Bruno

Como o goleiro Bruno atraiu Eliza Samudio para a morte

Sérgio Rosa Sales, foi assassinado

não teve relação

Entenda o caso:

(Com Agência Estado)