Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Justiça considera ilegal greve de ônibus em São Luís (MA)

Tribunal Regional do Trabalho determina que 70% da frota deve circular, caso contrário será aplicada multa diária de 100 mil reais

No 12º dia da greve dos rodoviários em São Luís, a prefeitura da capital maranhense recebeu uma liminar que declara ilegal a paralisação e determina a circulação mínima de 70% da frota a partir desta segunda-feira. A decisão é da desembargadora Solange Cristina de Castro Cordeiro, do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (TRT-MA), que determinou também que o Sindicato de Empresas de Transporte (SET) contrate, temporariamente, motoristas, cobradores e fiscais para garantir o contingente de 70% do quadro de funcionários em atividade. Caso esta exigência não seja cumprida, será aplicada multa diária de 100 mil reais. Caso o sindicato não faça as contratações necessárias, a prefeitura poderá efetuá-las em seu lugar. Mesmo com a decisão, a greve continua, com prejuízos para cerca de 750.000 passageiros.

Leia também:

O país da Copa está em greve