Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Grande manifestação no Iêmen, apesar de forte presença de forças do regime

Por Mohammed Huwais 4 set 2011, 16h04

Milhares de opositores se manifestaram neste domingo em Sanaa para pedir a saída do poder do presidente Ali Abdullah Saleh, ausente do país há quatro meses, apesar da mobilização massiva das forças de ordem, segundo um correspondente da AFP.

As forças de segurança e o exército reforçaram sua presença na capital e fecharam todos os acessos ao tráfego desde a tarde de sábado.

Apesar disso, milhares de pessoas marcharam pelas ruas próximas à Praça da Universidade, rebatizada como Praça da Mudança pelos opositores, protegidos pela Primeira Divisão Blindada, que se uniu ao movimento de protesto.

Outras manifestações foram realizadas em diversas cidades, especialmente no sul e em Taez, a segunda maior cidade do país, onde na tarde deste domingo ocorreram confrontos entre soldados dos corpos de elite do exército e membros armados das tribos da região.

A oposição anunciou no sábado uma intensificação das manifestações até a saída do poder de Saleh, que se recupera na Arábia Saudita após sofrer um atentado em Sanaa no dia 3 de junho.

Continua após a publicidade
Publicidade